O que é Pesca Esportiva e qual a sua importância?

O que é Pesca Esportiva e qual a sua importância?

09/10/2019 1 Por admin
Compartilhe:

Importante para o meio ambiente, para os amantes da pesca e para a economia: conheça a Pesca Esportiva!

A Pesca Esportiva é um esporte recreativo que surgiu oriunda da pesca tradicional, com o objetivo de soltar o peixe capturado logo após a sua fisga, a tempo de este peixe não sofrer impactos que resultem em sua morte. Outra característica desta modalidade de pesca é que o consumo do peixe não é o objetivo mas sim o prazer de pescar, lutar com o peixe e soltá-lo em boas condições de saúde para que outro pescador, em outra ocasião, volte a capturá-lo.

O ato de devolver o peixe ao seu habitat natural, não só torna o ato de pescar um esporte, mas promove a preservação das espécies que ali vivem, além de permitir que os peixes pescados possam seguir sua vida natural, reproduzindo e mantendo o ecossistema estável. Muitos peixes pescados na pesca esportiva, são perigosamente ameaçados de extinção, como é o caso do Dourado ( Salminus Brasiliensis ) e da Piracanjuba ( Brycon Orbignyanus ). Estes dois peixes são muito esportivos e tiveram seus nomes incluídos na lista de peixes ameaçados de extinção e 2014.



A forma correta de praticar o esporte

O site InfoEscola sugere uma série de cuidados especiais para a prática da Pesca Esportiva de forma correta. Para isso existe uma série de equipamentos e acessórios diferenciados para esse tipo de pesca. Anzóis, iscas, entre outros, são idealizados com o intuito de não ferir o peixe.

Além disso, o pescador pode utilizar algumas técnicas para preservar o peixe, como:

  • Manusear o peixe dentro da água o maior tempo possível.
  • Fora da água, ao manusear o peixe, manter as mãos molhadas (a mão seca retira o muco que protege o peixe).
  • Usar somente anzóis sem farpa ou com a farpa amassada.
  • Ao pescar em profundidades maiores do que 30 pés, puxar o peixe devagar, para que haja tempo para a descompressão (adequação do peixe quanto à pressão da água).
  • Utilizar a linha com um comprimento um pouco maior do que a recomendada, para que a luta dure menos tempo, cansando menos o peixe.
  • Retirar o anzol com alicate de bico, quando não estiver muito profundo.
  • Cortar a linha e deixar o anzol dentro do peixe, quando o anzol estiver muito profundo.
  • Rapidez e delicadeza ao tirá-lo da água para pesar, medir e fotografar.



Mas qual a importância da Pesca Esportiva de um modo geral?

contribuição positiva da pesca esportivaDe uma forma geral, podemos dizer que a Pesca Esportiva atua em 4 frentes principais, que se aliadas, podem tornar o esporte algo extremamente sustentável, ecológica e economicamente. De fato, o Brasil pode ser avaliado internacionalmente como uma potência da Pesca Esportiva, mas por se tratar de um país de dimensões continentais, é muito difícil fiscalizar, divulgar ou promover o esporte de forma plena e uniforme em todo o nosso território.

Os 4 pontos importantes que a Pesca Esportiva pode contribuir para os brasileiros, para o meio ambiente e para a comunidade da pesca de forma geral são:

  • Preservação Ambiental
  • Geração de Emprego
  • Crescimento econômico sustentável
  • Promoção do Brasil ao redor do mundo

1. Preservação Ambiental

Talvez, para a grande maioria dos pescadores esportivos, essa seja a maior contribuição da Pesca Esportiva para o mundo, para o Brasil, para os pescadores e para a Natureza: a Preservação das espécies e do seu habitat natural.  Com a inserção dessa modalidade na nossa cultura, muitas regiões que sofriam muito com desmatamentos, poluição dos rios e pesca predatória, foram gradativamente sendo adaptadas a nova realidade que o esporte trouxe, oferecendo outras formas de interagir com a natureza, sem que se destrua a flora e a fauna dessas regiões. Uma máxima da pesca é a maior verdade: “Lugar Preservado, Peixe Dobrado!”.

2. Geração de Emprego

Outro ponto importante em que a Pesca Esportiva atuou nos últimos 25 anos e continuará atuando positivamente é na geração de empregos diretos e indiretos, além do aumento dos investimentos no setor por parte do poder público e da iniciativa privada. Ocorre, que devido ao aumento das demandas que a pesca trouxe, aumentou o interesse pela abertura de empresas de materiais de pesca, pousadas, procura por guias turísticos de pesca, geralmente pessoas locais, conhecedoras do habitat e de sua diversidade de peixes, fabricação, importação e revenda de embarcações, entre outras formas de gerar empregos. Inclusive, muitos pescadores que em outro momento atuaram na pesca comercial, migraram para o Turismo da Pesca e aumentaram seus ganhos e sua qualidade de vida consideravelmente.

3. Crescimento econômico sustentável

Com a geração de empregos, renda e riqueza, é natural que haja primeiramente, um crescimento econômico mais localizado, mas dependendo do potencial da região. Este aumento atinge posteriormente o estado e em casos específicos como o da Bacia Amazônica e do Pantanal, o crescimento econômico aumenta de forma a melhorar os índices nacionais na economia e na sustentabilidade. Esse crescimento ambiental e econômico passou a ser um produto brasileiro importante e promovido ao redor do mundo por sua grandeza, e já atrai milhares de pescadores, investidores e empresas do setor do mundo todo para o nosso país, buscando não somente os grandes peixes, mas também os frutos que o setor traz a economia.

4. Promoção do Brasil ao redor do mundo

A promoção do produto “Pesca Esportiva” que principalmente o Amazonas, o Mato Grosso e o Mato Grosso do Sul já são muito explorados, acaba atraindo os pescadores, os investidores e também eventos internacionais como o 1º Torneio Internacional de Pesca Esportiva (GAWFR), que foi organizado por Keisuke Onoda e Chihiro Yamamoto, japoneses que moram no Brasil há mais de 20 anos.



Mulheres Pescadoras? Sim, e isso é ótimo!

A pesca tradicionalmente tem sido um clube para meninos. Porém, mais mulheres estão desafiando normas e criando nosso próprio espaço na área de pesca esportiva. E há definitivamente um mercado. Em resposta ao evidente entusiasmo das mulheres pela pesca. Algumas grandes marcas entraram no mercado, lançando recentemente equipamentos específicos para mulheres. Isso deve ser bom para os resultados, já que, de acordo com o relatório especial de 2017 publicado pela Outdoor Industry Association e pela Recreational Boating & Fishing Foundation. Segundo o relatório, as mulheres são agora o grupo demográfico que mais cresce na pesca esportiva ao redor do mundo. Veja abaixo o perfil de Luana Karine, pescadora e apresentadora do programa “Elas na Pesca” da FishTV.

Mais mulheres pescadoras levarão a mais vendas de produtos, oportunidades de guias e diversidade no esporte. O crescente envolvimento das mulheres une comunidades e revigora iniciativas de conservação, levando à sustentabilidade de ecossistemas de pesca e de saúde. O melhor de tudo é que o resultado é um esporte cada vez mais acessível a todos. No Brasil, há diversas pescadoras profissionais que já possuem milhões de seguidores e seguidoras, promovendo ainda mais a diversidade no nosso esporte. Uma grata notícia não é mesmo?

Conclusão

Como você pode ver, a Pesca Esportiva só tem a contribuir para a comunidade da pesca e para o planeta como um todo. Vimos que este esporta já produz índices positivos na sustentabilidade, na geração de empregos e na economia, além de promover o esporte e seus benefícios de forma global. E é isso que queremos também com nosso artigo, ajudar a promover e expandir a prática da pesca esportiva aqui no Brasil e em todo o mundo.

Gostou do nosso post tudo sobre o que é a Pesca Esportiva e sua importância? Tem alguma informação legal e interessante sobre a pesca esportiva que gostaria de compartilhar conosco? Então deixe sua opinião nos comentários. Aproveite e siga Pescaria S/A no Facebook e fique atualizado sobre nosso conteúdo. Obrigado por visitar o Blog Pescaria S/A. Boa pescaria!