15 peixes mais incríveis na pesca esportiva mundial

15 peixes mais incríveis na pesca esportiva mundial

22/12/2019 0 Por Carlos Eduardo
Compartilhe:

Tem peixe pra todos os gostos na nossa lista com os top 15 no mundo

A pesca esportiva é praticada em todo o planeta, e as espécies de peixes mais incríveis podem ser capturadas em rios e mares ao redor do mundo. Desde o surgimento do interesse na pesca esportiva, o que diferenciou alguns peixes de outros sempre foram duas características: o tamanho e a maneira de brigar ao ser fisgado. E nesse sentido, a pesca foi crescendo e ficando cada vez mais apaixonante, sempre com um objetivo em comum entre os pescadores: obter o troféu mais incrível.

O mundo é grande demais, e apesar de aqui no Brasil, termos milhares de espécies de peixes tanto em águas continentais como no mar, temos que olhar com mais atenção para o mundo e conhecer as feras aquáticas que alegram as vidas de pescadores de todas as partes do mundo. Por isso resolvi criar esse ranking com alguns dos peixes mais cobiçados, respeitados e brigadores do mundo.

Confira agora os 15 peixes mais incríveis na pesca esportiva mundial

  • Marlyn Azul
  • Peixe Vela ( Sailfish )
  • Truta
  • Atum
  • Black Bass
  • Catfish
  • Tucunaré
  • Salmão
  • Dourado do Mar
  • Pirarucu
  • Tarpon ( Pirapema )
  • Esturjão Branco
  • Dourado
  • Trairão
  • Barracuda

1. Marlyn Azul

marlyn azul peixes incríveis

O marlim-azul ou espadarte-azul é um peixe teleósteo, oceânico, da família Istiophoridae das águas tropicais e subtropicais do Atlântico e do Pacífico. É um daqueles peixes que qualquer pescador sonha um dia lutar e capturar.

2. Peixe Vela ( Sailfish )

peixe vela sailfish peixes incríveis

O Peixe Vela é uma espécie de peixe marinho da família Istiophoridae da ordem Perciformes. Pode ser encontrada nos oceanos atlânticos e no mar do Caribe, exceto em grandes áreas do Atlântico Norte central e do Atlântico Sul central, desde a superfície até profundidades de 200 m. Assim como o Marly Azul, o Peixe Vela é um gigante feroz da pesca oceânica e trata-se de um troféu de se orgulhar a qualquer pescador.

3. Truta

truta

A truta é um peixe com escamas. Possui corpo comprimido e alongado com cerca de 60 cm de comprimento total e pesar até 2 kg. O dorso tem cor que varia do esverdeado ao castanho, sendo as laterais acinzentadas e a parte inferior esbranquiçada. Tem pintas escuras nas nadadeiras e no corpo.

É originária do hemisfério norte, Estados Unidos e Canadá, tendo sido, no entanto, introduzida em todos os continentes. É um peixe muito procurado por amantes da pesca com mosca (fly).

4. Atum

atum

São considerados os peixes mais hidrodinâmicos entre as formas existentes. O corpo é fusiforme e o pedúnculo caudal bastante estreito. Existem várias espécies que alcançam de 50 a 200kg. As espécies mais comuns na costa brasileira são a albacora (Thunnus albacares) e o atum (Thunnus atlanticus), menor que a albacora. São gigantes que proporcionam brigas espetaculares com pescadores do mundo todo.

5. Black Bass

black bass peixes incríveis

O Black Bass é um peixe de água doce originário do sul do Canadá e norte dos Estados Unidos da América que foi introduzido na Europa no final do século XIX e no Brasil no início do século XX. É um dos peixes mais conhecidos de forma global por sua desportividade e fácil adaptação em ecossistemas distintos.

6. Catfish

catfish

O bagre norte-americano Ictalurus punctatus, conhecido como catfish é mais um estrangeiro integrante da lista de peixes exóticos intruduzidos no Brasil. É um peixe omnivoro da ordem Siluriforme da família Ictaluridae originário da região do Golfo do México. Atualmente é a espécie de maior importância comercial nos EUA.

7. Tucunaré

tucunaré peixes incríveis

Conhecido como o “embaixador da pesca esportiva brasileira”. Tucunaré, do Tupi “tucun” e “aré” amigo, ou seja, “semelhante ao tucum”, Cichla spp., é uma espécie de peixe presente nos rios da América do Sul, em especial do Brasil, também conhecida como tucunaré-açu, tucunaré-paca, tucunaré-pinima, tucunaré-pitanga, tucunaré-vermelho ou tucunaré-pretinho.

8. Salmão

salmão

Salmão é o nome vulgar de várias espécies de peixes da família Salmonidae, que também inclui as trutas, típicos das águas frias do norte da Eurásia e da América. A cor original do salmão é branca. Porém, devido à sua alimentação (camarões, algas e organismos unicelulares), o peixe ganha uma coloração que vai do cor-de-rosa até o vermelho vivo. A pigmentação é armazenada no músculo ou na casca do crustáceo, por isso a tonalidade. O salmão é um peixe famoso pelas viagens longas e difíceis que faz para se alimentar e se reproduzir.

9. Dourado do Mar

dourado do mar peixes incríveis

É um peixe bastante peculiar, tanto pela forma do corpo quanto pelo colorido. O corpo é alongado e comprimido, mais alto na região da cabeça, afinando em direção à nadadeira caudal, que é furcada. A principal característica é a longa nadadeira dorsal, que se estende da cabeça à cauda, com cerca de 60 raios. A coloração do dorso é azul ou verde azulado iridescente, os flancos são dourados e salpicados com pintas claras e escuras e o ventre é prateado. A nadadeira dorsal é azul forte, a anal é dourada ou prateada e as outras nadadeiras são douradas ou prateadas, com a margem azul. Alcança 2 metros de comprimento total e 40 kg.

10. Pirarucu

pirarucu

O pirarucu é um dos maiores peixes de águas doces fluviais e lacustres do Brasil. Pode atingir três metros e seu peso pode ir até 200 kg. É um peixe que é encontrado geralmente na bacia Amazônica, mais especificamente nas áreas de várzea, onde as águas são mais calmas. Por suas características de pesca esportiva e vantagens comerciais o Pirarucu foi introduzido em países asiáticos como Vietnã e Tailândia.

11. Tarpão ( Pirapema )

tarpon tarpão pirapema peixes incríveis

Megalops atlanticus é uma espécie costeira popularmente conhecida no Brasil como pirapema ou camurupim e em inglês como tarpon, sendo encontrado desde o Amapá até a região norte do Espírito Santo. Tarpões são peixes incríveis capazes de respirar ar atmosférico através de suas bexigas natatórias. É um peixe que se caracteriza na pesca esportiva por sua luta árdua e seus saltos extraordinários.

12. Esturjão Branco

esturjão

O esturjão-beluga ou esturjão-branco é um peixe da família Acipenseridae. É natural do mar Negro e do mar Cáspio e seus rios tributários. A espécie está sujeita a intensa pesca nestas zonas para a colheita das suas ovas para a produção de caviar beluga. São peixes enormes e muito brigadores.

13. Dourado

dourado peixes incríveis

O dourado é um peixe dos rios do Brasil e outros países da América do Sul. Ocorre na Bacia do Prata, na bacia do Rio Magdalena e nos rios do Peru da bacia do rio Amazonas. O dourado é um peixe dos rios do Brasil; é sinônimo de Salminus maxillosus, e é também chamado popularmente dourado, piraju, pirajuba e saijé. É conhecido como “o rei do rio”.

14. Trairão

trairão

O Trairão é um peixe de escamas maior que a traíra. Possui corpo cilíndrico. Sua coloração é quase negra, no dorso, já os flancos são acinzentados e o ventre esbranquiçado. Costuma conviver com vários indivíduos não chegando, no entanto, a formar grandes cardumes. Pode atingie 20 Kg e alcançar 1 m de comprimento.

15. Barracuda

barracuda

A Barracuda (Sphyraena) é um género de peixes perciformes marinhos, o único da família monotípica Sphyraenidae, que inclui as espécies conhecidas pelo nome comum de barracuda. São peixes ósseos incríveis, predadores que podem atingir grandes dimensões, armados de fortes mandíbulas e grandes dentes, corpo longo e esguio, quase serpentiforme, recoberto por pequenas escamas lisas. Algumas espécies atingem 2,1 m de comprimento total e 30 cm de diâmetro.

Conclusão

Gostou do nosso post com os 15 peixes mais incríveis na pesca esportiva ao redor do mundo? Seu peixe preferido não está em nossa lista? Então deixe sua opinião nos comentários. Aproveite e siga Pescaria S/A no Facebook e fique atualizado sobre nosso conteúdo. Obrigado por visitar o Blog Pescaria S/A. Boa pescaria!